PT EN

Novas esplanadas de Lisboa

27 Set. 2016 > 27 Set. 2018

A Junta de Freguesia de Santa Maria Maior, em colaboração com a Câmara Municipal de Lisboa /MUDE – Museu do Design e da Moda, Coleção Francisco Capelo, desenvolveu um concurso de ideias, por convite a 8 designers, visando a definição de um novo modelo para as esplanadas e mobiliário urbano. Este concurso tem como objetivo requalificar o espaço público desta zona da cidade e criar condições para a partilha harmoniosa do espaço público entre comerciantes, turistas, transeuntes e moradores locais.
Considera-se também imperativo garantir a valorização e harmonia do centro histórico de Lisboa, em particular do seu espaço público e do mobiliário urbano nele instalado, dada a sua representatividade para a identidade da cidade e do país.
Foi constituído um júri composto por personalidades de reconhecido prestígio na área da arquitetura/urbanismo, comunicação/imagem e design de equipamento/design urbano. Bárbara Coutinho, diretora do MUDE e presidente do júri; Luís Jorge Bruno Soares, arquiteto; Pedro Silva Dias, designer; Carlos Coelho, presidente da Ivity brand Corp; José Sarmento de Matos, historiador e olisiponense; Catarina Gamboa, Gabinete do Vice-Presidente da Câmara Municipal de Lisboa; Célia Mota, engenheira da Junta de Freguesia de Santa Maria Maior.
Cada equipa teve de analisar e tipificar os espaços públicos existentes na zona, definindo diferentes estratégias de ocupação e tipologias de equipamento que poderão ser utilizadas naquela área. Este trabalho pressupôs a definição de princípios e regras gerais, bem como a padronização de soluções para cada área específica. Pretendeu-se que fosse garantida a unidade do conjunto, sem deixar de permitir uma certa diversidade de esplanadas, que espelhe as diferentes filosofias de cada estabelecimento comercial.

Proposta 1 – Gonçalo Campos
Proposta 2 – Daniel Caramelo
Proposta 3 – Rita Filipe
Proposta 4 – Francisco Providência
Proposta 5 – Pedro Sottomayor

A equipa vencedora, liderada por Pedro Sottomayor, foi convidada a celebrar um contrato com a Junta de Freguesia de Santa Maria e desenvolveu o projeto para a implementação do modelo escolhido.